BATATINHA – Em Tratamento 

(Carregue nas fotografias para as ampliar)

Mas que grande salganhada que vai na Galega. Há batatinhas e há cenourinhas, há Incas e Maias! Há um para cada gosto, é uma beleza 🙂
 
A matriarca Cruela é a rezingona da família, a idade não perdoa e a paciência para tanta criançada não abunda.
 
As tias, Inca e Maia, são as adultas, supostamente responsáveis. São elas quem destabilizam a malta com as suas avarias e invenções!
 
A pandilha da criançada são: 
Cenourinha é o rei
Laranjinha é o sensível
Batatinha é o bom rebelde
Bolota é a aventureira
E Fava é a princesa !
Já só falta chegar a família para o Batatinha, que vai ser uma sortuda!
Actualização Janeiro/2019:
De momento o Batatinha está a fazer tratamento para um fungo que apanhou. Está a reagir bem, mas ainda não teve alta médica.

 

Nome: Batatinha

Nascimento: Agosto/2018

Origem: Colónia da Galega, Concelho de Mafra

Local onde se encontra: FAT (Família de Acolhimento Temporário) em Mafra

Características Físicas: Pêlo curto, pelagem amarela, 3/4kg

Outras Características:

Extremamente dócil e dado a pessoas, muito sociável com gatos e  com cães.

É um gato muito  descontraído, brincalhão e mimoso.

 

Todos os processos de adopção iniciam-se com o preenchimento do nosso formulário de adopção e logo que possível o voluntário responsável entrará em contacto consigo.

Para mais informações contacte-nos através do mail adopcoes@anonimais.org.

Informamos que:

Todos os animais encontram-se desparasitado interna e externamente e esterilizados caso tenham idade para tal.

Poderão também já ter testes de Fiv e Felv efectuados, chip e Vacinas.

Em qualquer processo de adopção é obrigatório:

– Assinatura de termo de responsabilidade;

– Visita e entrega do animal na casa do adoptante;

– Contribuição do futuro adoptante com um valor simbólico que visa cobrir parcialmente as despesas existentes até à sua adopção.